quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

ALAN LETTIERI - O POETA DAS RUAS,O FILÓSOFO DAS CALÇADAS

foto: cidade de Pirinópolis-GO

(Por Diego El Khouri)

"Eu tenho medo de morrer e deixar as pessoas que me amam e gostam de mim, e de não fazer tudo o que quero, de me esquecerem, mas sei que mesmo morrendo estarei no coração de todas que são especiais, que valeu a pena viver perto delas. O resto é nada, é bosta."
Alan Lettieri


Alan Lettieri Vargas. Um poeta nato. O filósofo do cotidiano. Tive o prazer de conhecer esse rapaz em Pirinópolis no final do ano de 2010. Apesar da pouca idade ele já passou por tudo: Prisões, drogas, quase morte, amores, poesias e viagens diversas. Numa noite de porre num bar de Goiania resolvi entrevistá-lo, aliás, não seria bem uma entrevista, e sim um bate papo totalmente informal que coloco aqui na íntegra. Como uma metralhadora tentando se controlar, o nosso Neal Cassady brasileiro, nos conta de sua nova fase de vida:

Qual a diferença do Alan de ontem para o Alan de hoje?
Antes eu não era nada. Eu to começando a ser alguma coisa. Começando a juntar os cacos e me equilibrar. Eu decidi ser uma  pessoa diferente de todas. Antes eu rejeitava as verdades. Eu sempre quis e sempre tive minhas opiniões , mesmo fazendo coisas que não eram tão certas, reconhecia o erro e às vezes cometia o mesmo erro sempre, hoje tenho minhas opiniões e meus ideais e estou indo atrás disto cada vez mais!
Por que você costuma dizer que tem dois caminhos: a loucura e a insanidade?
 a loucura é o jeito de cada um viver como se fosse o último dia, mas sem sair da realidade, e insanidade é você acabar com a própria vida, usando drogas lícitas ou ilícitas, achando que esta vivendo intensamente, mas isso não é viver intensamente!
Pra você o que é ser livre?
Ser livre é você dominar suas ações, ter liberdade de sair de casa, de fazer o que quiser, ter liberdade total de expressão e  dominar seus sentimentos. Você sai de casa e ela vai estar lá, no mesmo lugar,  ser livre  então  é você principalmente  ter opiniões diferenciadas da massa. Você estar fora do resto.
 O que de bom e ruim as drogas lhe proporcionaram?
De ruim foi meu corpo ficar fraco pelas tantas vezes que embarquei a fundo em coisas loucas. Minha mente vem fortalecendo mais e mais buscando o que é certo e errado. Mesmo eu usando tô lúcido pra saber o que quero. Hoje não preciso de mais nada, apenas ser feliz. Exemplo: certo dia eu estava na casa do meu tio e além dele estava meu irmão e a amiga dele. No fim da noite meu tio perguntou se eu estava bêbado. Eu respondi, “como poderia estar bêbado bebendo oito litros de coca-cola?! Falei então que eu consigo ser feliz sem drogas e sem álcool.
Como você, totalmente urbano, um poeta do asfalto, vive em Pirinópolis, uma cidade cercada de florestas, montanhas e cachoeiras?
Eu gosto de natureza e ar livre. Passo horas na cachoeiras sozinho.  Eu viajo em pensamentos como se tivesse fumado uma maconha. Muitas pessoas dizem que sou louco , na verdade eles tem inveja porque eu consigo usufruir as coisas belas da vida sem precisar sair da realidade.
Depois de enfrentar tantas vezes a morte, como você vê a vida?
Hoje eu vejo  vida de outra forma. Desperdiçava muito tempo na ilusão. A loucura do uso exagerado de entorpecentes por medo de encarar os problemas da realidade leva a um abismo que pode ser tarde demais  às vezes, às vezes  também não (risos).
Pensa que dessa maneira vai encontrar o que quer?
Acho que sim. Vou descobrir com o tempo. Estou apenas começando.
Fale de alguma loucura que já cometeu.
É dificil citar uma. Eu já  de fiz tudo  que você pensar.
E sobre o amor o que tem a dizer?
Um dia eu li que “o amor só vem mais tarde e que é privilégio dos mais velhos”. De certa forma eu me sinto mais velho.
 Qual o motivo de abandonar tudo, toda sua rotina comum, e mudar para tão longe de vez? Cansado da vida ou procurando ela?
Não é mudando pra longe. Vou tentar começar a construir a vida que demorei a reconhecer. Vai ser muito dificil, mas espero não estar enganado sobre isso.
Qual seu nome artístico?
Chuck Norris.
Ahaaha por que Chuck Norris?
Porque ele pode tudo, ele vence tudo.






4 comentários:

  1. Genial entrevista parabéns com louvor Diego El Khouri.

    ResponderExcluir
  2. contato:o_gatinho120@hotmail.com

    ResponderExcluir
  3. Conheci o cara a 6 anos atras e naum podia imaginar isso penssava nele de uma forma diferente mais da pra ver que vc e de ferro,amigo naum sei o por que nos encontramos de novo mais naum quero te desencotrar novamente .

    ResponderExcluir